Gengivoplastia Preço | O que é, Quanto Custa e Tempo de Recuperação

A gengiva grande é um problema de nascença que também pode ser adquirido por causa de inflamações devido a uso de medicamentos. Ela é um mal que causa muito desconforto para as pessoas, pois aparece mais gengiva que dentes na hora de um sorriso.

A boa notícia é que isso pode ser corrigido com um procedimento cirúrgico conhecido como gengivoplastia, um procedimento que não causa dor e que tem uma recuperação bem tranquila.

O que é isso

A cirurgia gengivoplastia é um procedimento dental no qual as gengivas são remodeladas. Este procedimento normalmente é realizado por um periodontista, e pode ser feito por razões estéticas e médicas.

A gengivoplastia é realizada para remover o excesso de tecido gengival que pode interferir na saúde bucal. O excesso de tecido de gengiva pode causar a formação de bolsas entre dentes e gengivas em que os alimentos podem ficar presos, o que pode promover a doença periodontal.

Como é feito

Procedimento da Gengivioplastia
Seus dentes serão limpos por seu dentista ou um higienista para remover e placas dentárias , excesso de comida e tártaro

Você receberá um anestésico para adormecer a área, garantindo que você não sinta dor durante todo o procedimento

Seu dentista usará um bisturi ou lâminas muito afiadas e anguladas para remodelar sua linha de gengiva

Existem outras opções disponíveis para ter este procedimento, por exemplo, agora os cirurgiões podem usar lasers e eletrocirurgia em vez de bisturis.

A cirurgia geralmente demora apenas alguns minutos, embora às vezes isso possa prolongar-se a quase uma hora
As incisões serão costuradas com pontos normais ou dissolvíveis
Você terá um curativo periodontal colocado sobre as gengivas que foram tratadas. Este é um material de tipo borracha que protegerá os pontos enquanto curam.

Pós Operatório

Normalmente, as gengivas serão completamente curadas dentro de um a dois meses após o procedimento da gengivoplastia, dependendo da extensão da cirurgia da gengiva. O dentista pode prescrever medicação para dor e um banho bucal antibacteriano (geralmente contendo clorhexidina) para aliviar qualquer dor e prevenir possíveis infecções durante o período de cicatrização.

Alguns sangramentos podem ocorrer inicialmente, mas geralmente param em 24 horas. O curativo periodontal é colocado pelo dentista sobre as gengivas para proteger o tecido e fazer com que o paciente se sinta mais confortável. Comer uma dieta suave é recomendado para prevenir a irritação das gengivas e evitar a remoção do curativo periodontal da ferida.

Resultados – Fotos antes e depois de famosos

Gengivoplastia – Preço

Engana-se que pensa que o preço da gengivoplastia é muito caro, tudo vai depender da quantidade de dentes que será necessário fazer esse procedimento.

Em média cada dente custará cerca de R$ 90,00 a R$ 100,00, podendo chegar no valor de até R$ 3.000,00 caso seja necessário realizar em todos os dentes.

Antes de realizar a gengivoplastia, sempre pesquise bastante sobre o local que escolheu para fazer, procure depoimentos de pessoas que já fizeram o mesmo procedimento na clínica e tenha certeza de que são profissionais qualificados para não ter problemas futuramente.

5 Formas de amolecer Coco empedrado – Fezes Duras

O processo de digestão do intestino costuma ser variável, e qualquer pessoa pode sofrer de coco empedrado [Fecaloma] numa certa fase da vida. Esse problema costuma ser muito desagradável e se sua busca é por como amolecer coco empedrado, acreditamos que possa haver uma solução.

Esse problema é fácil de se resolver, basta uma alteração em sua dieta e já será o suficiente, caso isso não resolva o ideal é buscar ajuda de um médico.

amolecer Coco empedrado

Causas do Coco empedrado

Para se ter um melhor entendimento sobre o que causa as fezes endurecidas e grossas, primeiramente vamos descobrir como funciona o intestino.

Quando comemos, os nutrientes são absorvidos no intestino delgado, que libera líquido e fibra no intestino grosso. No intestino grosso, então, as fezes são formadas. À medida que as fezes recém-formadas se movem ao longo do intestino grosso, o líquido é extraído. Se as fezes estiverem presentes no intestino grosso e no cólon por muito tempo, pode-se retirar líquido adicional, tornando as fezes secas e duras.

Muitas pessoas associam fezes duras com constipação , mas você pode ter coco empedrado sem estar constipado também. A constipação é caracterizada como menos de três movimentos intestinais por semana, por isso é possível ter fezes duras todos os dias.

Fatores que causam fezes duras

Bebês que se alimentam de leite artificial (de caixinha ou saquinho)

A ansiedade e depressão

Alteração hormonal em grávidas

Comer muito carboidrato ( arroz branco e pão branco)

Doenças metabólicas e digestivas.

amolecer Coco empedrado

Sintomas

Para descobrir se seu problema é realmente o coco empedrado, fique atento aos seguintes sintomas que podem surgir.

Fezes em forma de bolinha, barriga inchada como se tivesse acabado de se alimenta, hemorroidas, sangue nas fezes e dificuldade ao defecar.

Como amolecer coco empedrado – Video

Tratamento

A melhor forma de tratar e prevenir as fezes ou coco endurecido é cuidar da alimentação. Procure evitar se alimentar somente por alimentos que contenham carboidratos e evite bebidas diuréticas como café e guaraná.

Adicione mais fibras na alimentação com alimentos integrais como arroz integral, pão integral e semente de linho. O ideal é comer cerca de 25 a 30 mg de fibras por dia.

Procure realizar atividades físicas de forma regular e procure tomar pelo memos 2 litros de água por dia.

Nuca deixe passar aquela vontade de evacuar, se deu vontade vá ao banheiro imediatamente, não deixe para mais tarde ou para o outro dia.

Casos de cirurgia são extremamente raros, a remoção do coco empedrado pode ser realizada de forma manual ou por medicamentos como laxantes e supositórios

Caso ainda não consiga evacuar procure a orientação de seu médico que dirá a melhor alternativa para remoção das fezes duras.

Sensação de estômago cheio e Pesado – O que fazer [Aqui]

Sensação de estomago cheio – A sensação de estômago cheio e pesado é um dos sintomas mais comuns de um problema grave conhecido como dispepsia, geralmente vem acompanhado de enjoos, falta de ar, arrotos, gases e sensação de bolo na garganta. Descubra o que fazer com a sensação de estômago pesado e como resolver hoje.

A má digestão é um problema que atinge cerca de 50% da população, é um número assustador e a tendência é que esse número cresça a cada dia. Mas se você sofre do mal da sensação de estômago cheio saiba que a solução é mais simples que se possa imaginar.

Sensação de estômago cheio – O que é

Com a correria do dia a dia com trabalho, escola e compromissos, as pessoas optam por se alimentar de uma comida que seja rápida e fácil de fazer, sem saber que essa atitude pode causar graves complicações para si mesma.

Essa forma incorreta de se alimentar acaba gerando esse problema que não é uma doença mas sim uma série de distúrbios gástricos causados pela má alimentação.

Alimentar-se sem mastigar corretamente, comer gordura de forma exagerada, abusar da cafeína, chocolates, refrigerantes e abusar de alimentos que irritam o estômago como álcool e certo medicamentos, são alguns dos fatores causadores da sensação de estômago cheio o tempo todo.

Sensação de estômago cheio e Pesado

Sintomas

Sintomas incômodos podem surgir quando se come de forma exagerada e quando surge a sensação de estômago cheio, dentre eles podemos destacar:

  • enjoo
  • falta de ar
  • flatulências
  • sensação de bolo na garganta
  • barriga inchada
  • sonolência

Beber líquidos só agrava o problema

Alguma vez todo mundo já ouviu falar ”Beber líquido após se alimentar faz mal”, isso é totalmente verdade, já que a ingestão de líquido irá atrapalhar o processo de digestão do alimento que ficará muito lento.

Dicas para acabar com o estômago cheio e pesado

Na maioria dos casos uma simples mudança de hábitos alimentares poderá ser o suficiente para resolver a sensação de estômago cheio.

Coisas simples como mastigar mais, evitar alimentos gordurosos, evitar líquidos antes durante e após se alimentar, evitar refeições exageradas, já serão o suficiente para sanar os problemas.

Caso mesmo tomando todos os cuidados acima sua sensação de estômago cheio não acabar , é ideal que se procure uma orientação de assistência médica para descartar quaisquer problemas mais graves.

Como diminuir o mau cheiro e suor excessivo nas axilas

O mau cheiro e o suor excessivo são  problemas que podem trazer muitos transtornos para quem passa por essa situação, sabemos que para alguns engraçadinhos de plantão motivos não faltam para constranger uma pessoa e portanto é comum ouvir apelidos como suvaco fedido, subaqueira, catinga e outras coisas do tipo.

Bom pior do que sentir o próprio mau cheiro e ver aquelas rodelas de pizza que se forma abaixo das axilas é quando pessoas ao redor também percebem, saber que elas estão se afastando por esse fato pode ser realmente uma situação muito embaraçosa e desagradável, e é justamente por esses motivos que quem sofre com essa situação geralmente tem vergonha de procurar uma solução.

Como diminuir o mau cheiro e suor excessivo nas axilas

Saiba que não é necessário sofrer por causa dessa situação, algumas dicas básicas serão suficientes para controlar tanto o excesso de suor quanto o mau cheiro, então se liga no artigo.

O que causa o mau cheiro nas axilas

Bom, o suor é realizado através das glândulas sudoríparas, elas estão em todas as partes em nosso corpo  e servem para controlar a temperatura. Exitem 2 tipos de glândulas sudoríparas, as écrinas e as apócrinas.

Motivos como exercícios físicos, práticas de esporte e até mesmo febre podem elevar a temperatura corporal, para restaurar essa temperatura a níveis normais as glândulas écrinas liberam o suor que são inodoro.

Já as glândulas apócrinas estão em locais onde contém muitos folículos pilosos como nas axilas, virilhas, ânus e ao redor os mamilos, elas só são ativadas quando se atinge a puberdade, e é a partir da puberdade que em situações de estresse elas liberam um fluido inodoro, mas esse fluido ao ser excretado entra em contato com as bactérias presentes na superfície da pele causando o mau cheiro.

O que causa o excesso de suor

O suor excessivo é causado por uma condição conhecida como hiperidrose, pés mãos e axilas são os locais mais afetados, não há uma situação específica em que ela possa acontecer, seja no frio ou no calor, algumas causas que podem desencadeá-la são a menopausa e o hipertireoidismo.

A melhor opção para quem sofre com esse problema é procurar uma assistência médica para que possa receber o melhor tratamento, mas enquanto isso algumas dicas caseiras podem ajudar a controlar a situação temporariamente.

Como diminuir o mau cheiro e suor excessivo

Higienização

A higienização é essencial já que o excesso de suor poderá aumentar a quantidade de bactérias na pele e consequentemente aumentará também o mau cheiro, portanto ao tomar banho certifique-se de que não haja restos de sabão na pele e de desodorizantes, procure manter as axilas bem limpas.

Evite alimentos que estimule o mau cheiro

Consumir em excesso alimentos como o alho, cebola, pimenta, fast foods, peixes e outros, podem fazer com que esse mau cheiro fique ainda pior, então se não puder evitar, elo menos diminua seu consumo.

Passar limão com bicarbonato nas axilas

Já mencionamos em diversos artigos o poder do bicarbonato na eliminação de bactérias, ao mistura-la com o limão fica ainda mais potente, é muito fácil de fazer basta colocoar um pouco de bicarbonato em uma colher, pingar um pouco de limão até formar uma pasta e aplicar nas axilas, deixe por cerca de 20 minutos e lave. Deve ser realizado no máximo 3 vezes pro semana.

Se preferir poderá aplicar tanto o limão quanto o bicarbonato separadamente, ambos tem o poder de matar as bactérias causadoras do mau cheiro das axilas.

Se optar por aplicar somente o limão, 10 minutos antes do banho corte um limão pela metade e passe nas axilas, após isso tome banho e certifique-se de remover todo o resíduo de limão.

Agora caso opte por aplicar somente o bicarbonato, lave as axilas, aplique o bicarbonato por 20 minutos e após isso lave.

Evite o estresse e o sobrepeso

Esses dois fatores contribuem para o aumento do suor e consequentemente acentua a proliferação de bactérias, portanto evitar essas duas situações podem contribuir para evitar o suor em excesso e o mau cheiro das axilas.

Aproveite-se do poder da aloe vera

A aloe vera pode ser benéfica de várias formas para a pele, ela também é ma ótima aliada no controle do suor excessivo e do mau cheiro, para isso basta pegar um pouco do gel que se encontra nas suas folhas e plicar diretamente nas axilas, é essencial não remover para que ela possa agir na pele, aplique 3 vezes ao dia, mas sem colocar uma grande quantidade para não deixar as axilas grudando.

Mas algumas dicas

  • Evite pelos em excesso: sempre mantenha os pelos das axilas aparados, assim evitará que a região fique úmida e evitará o acúmulo de suor.
  • Evite roupas justas: Roupas apertadas e de materiais sintéticos poderão comprometer a ventilação das axilas e do corpo em geral.
  • Use um antitranspirante: Eles agem bloqueando os poros que liberam o suor temporariamente, dessa forma se tiver monos suor consequentemente haverá menos mau cheiro.

Saiba que as dicas citadas aqui são meramente informativas, o blog não tem o poder a receitar nenhum tipo de diagnóstico ou tratamento, para maiores dúvidas é sempre essencial consultar o médico para que ele possa indicar a melhor solução.

Por que as pessoas roncam? Como Tratar

Provavelmente todas as pessoas vão roncar uma hora ou outra na vida, algumas não vão nem sequer saber que passaram por essa situação, já outras vão roncar tanto que acordarão com o próprio ronco, só quem tem ou quem presencia esse problema sabe  o quanto ele pode ser irritante, mas por que as pessoas roncam?

Além do fato de roncar já ser complicado para quem passa por essa situação, ele também pode comprometer o sono do parceiro que sofrerá tanto quando quem está roncando, e isso pode gerar diversos transtornos durante o dia, já que noites mal dormidas poderão resultar em um menor aproveitamento do dia, com falta de concentração e atenção, e sono constante.

Por que as pessoas roncam

Por que as pessoas roncam?

Aquela sinfonia barulhenta que por vezes pode durar um noite toda, é causada quando ocorre uma vibração da úvula, para quem não sabe a úvula é aquela pedacinho que também é chamado de campainha da garganta.

Quando por algum motivo ocorre um estreitamento da garganta, o ato de realizar a inspiração causará essa vibração da úvula levando a aquele barulho que atrapalha tantos sonos durante a noite.

Em alguns casos o ronco pode ser causado por problemas como flacidez dos músculos da garganta, sobrepeso e deficiência nasal. Problemas de saúde que possam interferir na respiração enquanto dormimos também pode causar o ronco, como é o caso da congestão nasal ou alergia.

Em grande parte dos casos o ronco é causado pela apneia do sono e esse sim é uma das causas mais preocupantes segundo os médicos.

Na apneia do sono a pessoa tem breves interrupções na respiração, durante esses segundos que ocorre a falta de respiração, os níveis de oxigênio no sangue caem e o cérebro o tira do sono profundo para que a pessoa respire, e é nesse instante que a pessoa realiza a inspiração profunda afim de restaurar os níveis de oxigênio que o ronco ocorre.

Como evitar o ronco

O ideal é procurar assistência médica para que ele possa avaliar a verdadeira causa do ronco e poder prescrever o melhor tratamento, mas para quem já deseja tentar contornar essa situação poderá tomar algumas precauções que ajudarão.

  • Realizar exercícios físicos
  • Não ingerir bebidas como café, chás, refrigerantes e álcool antes de dormir
  • Procurar não repor o sono perdido durante o dia, mesmo que a vontade de dormir seja grande por causa das noites mal dormidas.
  • Estabelecer um horário para dormir e para acordar.
  • Dormir de lado para manter as vias respiratórias livres

Orelha inflamada, O que fazer para solucionar o problema

Ficar com a orelha inflamada pode ser um problema mais comum do que se imagina, muitas vezes as pessoas ficam sem saber o que fazer para desinchar e acabar com essa situação, mas o problema pode ser mais fácil de se identificar do que se imagina.

É importante saber que não existe uma receita caseira milagrosa para resolver essa situação se não souber o que pode estar causando a inflamação que em casos graves pode até soltar pus. Então se liga nas nossas dicas para poder resolver o problema e descobrir o que causou essa inflamação.

Orelha inflamada

O que deixa a orelha inflamada

Antigamente quem mais sofria com a orelha inflamada eram as mulheres já que a grande maioria utilizava e ainda utiliza brincos, já hoje em dia com a popularização do uso de brincos e piercings também pela população masculina, eles também podem uma hora ou outra ter os mesmos problemas.

Bom, não existe uma outra razão principal de causa de inflamação da orelha a não ser os brincos e piercings, uma pessoa pode usar brincos por muito tempo e nunca ter algum sintoma, mas quando essa alergia aparece, vem para ficar e nunca mais vai embora.

O principal causador de todo esse transtorno é um material que vem em certos tipos de brincos ou bijuterias, o níquel é o material utilizado para dar brilho a elas e apesar das bijuterias ficarem lindas e brilhantes se a alergia surgir é hora de trocar a bijuteria por outras feitas com outros materiais como a prata, ouro, acrílico, aço cirúrgico e inox.

Sintomas de orelha inflamada

A o notar sintomas como inchaço, ardência, dor, pus e coceira na orelha é sinal de que está na hora de tomar alguma providência, por mais que a vontade de coçar seja grande, evite de fazê-la já que o ato de coçar além de machucar poderá piorar ainda mais a inflamação.

Antes mesmo de realizar qualquer tipo de tratamento caseiro saiba que é essencial procurar seu médico para avaliar melhor a situação, mesmo que existam diversos medicamentos com a finalidade de acabar com a inflamação da orelha, ainda assim se torna necessário a avaliação médica.

O que fazer para tratar a orelha inflamada

Caso seja uma inflamação leve, causada pelo material do brinco, uma ótima dica para contornar essa situação sem ter que substituir sua joia por outra é utilizar o seguinte macete.

Primeiramente passe álcool para limpar a joia ou bijuteria e em seguida pinte toda a região que entra em contato com a pele com esmalte incolor, isso será o suficiente para acabar com a alergia que esteja causando a inflamação.

Outras dicas:

Outra alternativa para evitar ficar com a orelha inflamada é evitar utilizar brincos, piercings e alargadores que tenham o mesmo material que causa essa reação nas orelhas, geralmente os brincos feitos de metal são os que mais causam a inflamação, então a solução é trocar por modelos feitos de outro material com a prata, ouro ou inox.

Existe ainda outros métodos que envolvem utilizar a pomada Minancora na hastes do brinco e no fuo da orelha afim de evitar a inflamação, outro método é utilizar a pomada  Iruxol para combater a infeção, mas como já mencionado, uma vez que a orelha ficou inflamada por causa de certo material essas solução são apenas temporárias, e a melhor alternativa mesmo é trocar seu brinco, piercing ou alargador por outras joias que utilizem materiais diferentes em sua composição.

Como tirar espinha de peixe da garganta: 4 Etapas Fáceis

Aprenda as melhores formas de como tirar espinha de peixe da garganta, saiba como agir caso isso ocorra com você ou mesmo com alguém que esteja próximo.

Não podemos negar que o peixe é um saboroso alimento que fornece inúmeras vitaminas e mineiras vitais para o organismo, mas quando se trata de se alimentar de peixe existe um incômodo que pode acontecer a algumas pessoas que não realizam uma boa mastigação que é quando a espinha fica presa na garganta.

Como tirar espinha de peixe da garganta

Saiba que a manobra de Heimlich, nome dado ao ato de exercer forte pressão no diafragma da pessoa engasgada para induzir a uma tosse artificial para remover o objeto estranho da garganta não funcionará nesses casos e poderá prejudicar ainda mais a mucosa da garganta.

Como tirar espinha de peixe da garganta

Apesar de parecer desesperador ter uma espinha de peixe na garganta, é difícil mas tentar se manter no controle da situação poderá facilitar a retirada da espinha, por ser um material muito fino não irá obstruir de forma alguma a respiração, mas poderá causar um grande incômodo na garganta.

  • Tossir será a primeira reação quase que automática do corpo ao ter um objeto estranho na garganta, em alguns casos poderá ser a solução, mas é necessário tossir com cuidado e caso note que essa tática não está funcionando tente segurar a tosse evitar que a espinha cause dano na mucosa da garganta.
  • O uso de uma pinça é recomendado quando é possível enxergar a espinha na garganta, para tanto peça ajuda de uma pessoa para que ilumine sua garganta com uma lanterna e remova a espinha com a pinça, mas esse procedimento só é recomendado quando a espinha está visível e a pinça deve ter entre 15 a 20 centímetros.
  • Lubrifique a garganta ingerindo óleo vegetal, o azeite de oliva pode ser de grande ajuda, ele poderá facilitar a movimentação da espinha na garganta, mas se mesmo assim isso não funcionar parta para a próxima dica.
  • Engula alguma coisa macia, mas tenha atenção que sejam mesmo macios já que alimentos mais duros poderão quebrar a espinha aprofundando ele ainda mais na mucosa. Alimentos como banana, miolo de pão com manteiga, purê de batata ou arroz que esteja bem cozido. Eles poderão se prender a espinha levando-o direto para o estômago. (Não se preocupe em engolir a espinha já que o ácido do estômago poderá facilmente digeri-lo).

Quando procurar um médico

Caso nenhuma das soluções acima tenham sido suficientes para remover o espinho ou até mesmo após ter arrancado o espinho tiver problemas como sangramento, dor intensa  e dificuldade para respirar é essencial procurar assistência médica para que ele possa avaliar quaisquer possíveis danos. Em casos de espinhos presos na garganta de crianças também é recomendável procurar assistência médica.

Como prevenir

O peixe pode ser um alimento saboroso e trás ótimos benefícios a saúde, mas deve se ingerido com cuidado para não ter o risco de ficar com uma espinha de peixe presa na garganta.

Sempre quando for se alimentar de peixe principalmente no caso de crianças, é ideal sempre remover os espinhos antes mesmo de colocar no prato.

Os diferentes Tipos de luta para definir o corpo e melhorar a saúde

Conhecer os tipos de luta e praticar 1 ou mais deles, além de ser uma ótima forma de aprender auto defesa também é uma excelente forma de ter um corpo mais esbelto.

Há quem acredite que a fórmula mágica para chegar a um corpo ideal é se matando na academia fazendo exercícios ou com dietas das mais variadas, mas saiba que aprender algum tipo de luta pode ser uma forma de sair de uma vida sedentária mantendo assim uma vida mais saudável.

São muitos os benefícios que se adquire ao fazer algum tipo de luta, e um dos principais é a capacidade de aliviar o estresse, a raiva e qualquer outra sensação ruim. Além disso quem pratica luta, seja ela qual for, terá uma melhora na flexibilidade, na coordenação motora, noites de sono mais tranquila, tem uma capacidade de autocontrole melhorada e diversos outros benefícios.

Tipos de luta

Agora que já sabemos o quão pode ser benéfico para nossas vidas, seja para a saúde em geral e até para nos relacionarmos melhor com outras pessoas, vamos conhecer os diferentes tipos de luta que podem ajudar a definir o corpo, ajudar a emagrecer e manter um estilo de vida mais ativo.

Tipos de luta suas características e benefícios

Kung Fu

Essa já conhecida pelo mundo afora, principalmente por ser uma das lutas mais abordadas nos filmes de luta, ela surgiu a mais de 1500 anos atrás e seus movimentos são inspirados na natureza, e cada estilo imita um tipo de animal.

No geral, a prática do kung fu, pode nos beneficiar com uma melhora no reflexo, maior controle emocional e a auto defesa para se livrar de situações perigosas, cada aula poderá eliminar cerca de 950 calorias.

Boxe

Esse é um daqueles tipos de luta em que seu foco principal é o movimento e a agilidade  em desferir socos e jebs, a parte do corpo mais utilizada são os punhos.

É um tipo de luta ideal para quem deseja fortalecer os braços, ombro e abdômen, sem falar no fato de poder socar o saco de pancadas com muita vontade para descarregar todo tipo de sentimento negativo que possa estar na mente, e para quem deseja manter o corpo definido o boxe pode ser uma boa escolha.

Capoeira

A capoeira é uma típica luta brasileira, surgiu na época dos escravos, como eles eram muito violentados, por necessidade de se defender dos senhores de engenho e sendo proibidos de aprender qualquer tipo de luta, eles adaptaram suas danças com uma espécie de luta, surgindo então essa arte marcial disfarçada de dança.

O fato dessa luta necessitar de muito movimento misturado com dança, ela trabalha praticamente todos os músculos do corpo, portanto é ideal para quem deseja se manter saudável tanto física como também psicologicamente.

Muay thai

Essa luta de origem tailandesa é do tipo de luta que vale quase tudo, socos, chutes, joelhadas e cotoveladas, por ser uma luta que exige constante movimentação, ela queima muitas calorias , em média cada aula pode queimar de 1500 a 2000 calorias.

Então caso opte por esta luta, prepare-se, porquê ela exigirá grande esforço físico, velocidade e flexibilidade de seu corpo, ideal para quem deseja emagrecer e tonificar os músculos.

Karatê

Para quem não sabe o Karatê significa o caminho das mãos vazias, sua técnica consiste em utilizar os braços e pernas para atingir e se proteger do adversário.

É uma luta que estimula o auto controle de quem a pratica, ela também tem foco no condicionamento físico e na flexibilidade, seu treino é muito desgastante o que exige de quem a pratica sempre manter bons hábitos alimentares.

Judo

Essa luta tem por objetivo principal a imobilização, nela não é aplicado nenhum tipo de soco ou chute, a necessidade de imobilizar o adversário requer um bom fôlego e condicionamento físico.

Cada aula proporciona uma perda calórica de até 800 calorias.

Além das lutas aqui citadas, ainda existem diversas outras que também auxiliam na obtenção de um corpo mais definido, o ideal é pesquisar mais profundamente sobre cada tipo e estilo de luta para assim descobrir qual acha que lhe será mais adequado.

Anticoncepcional injetável: Engorda? Conheça alguns nomes

Uma das dúvidas mais comuns das mulheres que não desejam engravidar é se anticoncepcional injetável engorda, isso ocorre por causa de muitos relatos que os consideram ruins por parte de mulheres que já utilizaram, mas será que engorda mesmo? É o que veremos a seguir.

Dizem que hoje em dia não existe gravidez por acedente e isso se deve por conta da quantidade de métodos contraceptivos existentes, além da famosa camisinha e o anticoncepcional de pílulas, um outro método contraceptivo que vem ganhando cada vez mais espaço no gosto da mulherada é o anticoncepcional injetável.

Anticoncepcional injetável

Anticoncepcional mensal ou trimestral

Ele se popularizou rapidamente pelo fato de não haver a necessidade de ser tomado todos os dias, como no caso da pílulas, existem 2 formas de ser aplicado o anticoncepcional injetável, mensalmente ou seja, será aplicado a cada 30 dias ou trimestralmente, que será aplicado a cada 90 dias eliminando assim o risco de um esquecimento que poderia comprometer a eficácia do método.

Outra vantagem que pode ser notada ao fazer uso desse método é o fato de atenuar os sintomas da TPM, diminuindo consideravelmente as dores associadas as cólicas, ele também previne doenças como o câncer do ovário, miomas, doenças mamárias e outras.

Anticoncepcional injetável engorda?

Esse método contraceptivo apesar de não ter a necessidade de ser aplicado todos os dias, tem o mesmo efeito que qualquer outro método contraceptivo, e assim como qualquer outra pílula ele também retém líquidos, o que acaba contribuindo para um ganho de peso.

O fato do anticoncepcional injetável conter uma quantidade mais elevada de hormônios, pode acentuar esse ganho de peso, mesmo naquelas mulheres que não tem tendência a ter retenção de líquidos, outro fator que também acaba contribuindo para o ganho de peso é o fato do anticoncepcional aumentar o apetite fazendo com que a mulher sinta fome mais rapidamente.

Numa roda de mulheres é comum escutar a seguinte afirmação “Depois que comecei a tomar anticoncepcional injetável engordei”, ela pode ser considera verdadeira e existem até estudos que comprovam esse fato.

Nomes dos anticoncepcionais injetáveis mais usados

Independente do anticoncepcional injetável ser aplicado mensalmente ou trimestralmente, todos tem a função principal de evitar a gravidez, e ele é considerado tão eficaz como qualquer outro método, além de evitar a gestação ele também pode trazer outros benefícios como menos dores vindas de cólicas, regula o ciclo menstrual e diminui as acnes.

Mas antes de utilizar qualquer um dos anticoncepcionais listados aqui é necessário procurar atendimento com seu médico ginecologista para saber exatamente qual medicamento deve utilizar, lembre-se de que nenhum medicamento deve ser ingerido ou aplicado sem uma receita médica.

  • Noregyna = Sua reaplicação ocorre a cada 30 dias
  • Depo Provera = Reaplicação a cada 90 dias  (3 meses)
  • Mesigyna = Reaplicação a cada 30 dias
  • Perlutan = Uso a cada 30 dias

É imprescindível procurar por um ginecologista para que ele possa através de seu histórico médico indicar o método contraceptivo mais adequado, cada pessoa reage de uma forma a cada tipo de medicamento e com a indicação médica mais adequada, poderá evitar que maiores efeitos colaterais possam ser notados.

Seu uso deve ser acompanhado de perto principalmente porque o uso do anticoncepcional está ligado ao aumento das chances de se ter trombose, principalmente entre mulheres obesas, isso ocorre porque o anticoncepcional deixa as veias mais dilatadas e o sangue mais viscoso, podendo causar coágulos em veias mais profundas.

Preço do anticoncepcional injetável

Apesar de não haver a necessidade de ser aplicado todos os dias como ocorre com as pílulas, o anticoncepcional injetável possui uma maior concentração de hormônios e portanto terá o preço um pouco mais elevado que outros tipos, mas em média seu valor será de 30 a 70 reais, um valor que pode ser considerado ao alcance de todos.

Caso tenha mais dúvidas a respeito do anticoncepcional injetável como seus efeitos colaterais é imprescindível recorrer ao ginecologista para esclarecer qualquer questão.

Tomar Vinagre de Maçã Emagrece, Descubra como Usá-lo

Vinagre de maçã emagrece mesmo? Além desse quais outros benefícios que posso esperar dele? É o que veremos a seguir.

Na busca do corpo ideal as pessoas se submetem aos mais variados tipos de técnicas para conseguir emagrecer, algumas simplesmente cortam o consumo de carboidratos, outras se alimentam cada vez menos, ou utilizam cirurgias para isso e há casos até de pessoas que utilizam medicamentos para esse fim.

Mas saiba que o vinagre de maçã, esse item que pode ser encontrado ai na sua cozinha, além de temperar saladas pode ser um aliado na perda de peso, como sabemos a maçã possui diversos benefícios comprovados a saúde e o vinagre que é produzido com ela, também compartilha dos mesmos benefícios.

Não é de hoje que as pessoas já vem utilizando essa receita caseira para emagrecer, mas apenas nos últimos anos é que ela se tornou tão popular, e a causa disto são as evidências de estudos recentes que comprovam esse fato.

Vinagre de maçã emagrece: Veja seus benefícios

Uma coisa que costuma acontecer sempre na internet, seja nas redes sociais ou em websites com matérias com meias verdades é o fato de não comentarem que o vinagre de maçã não será uma fórmula mágica para emagrecer, muitos acabam acreditando que basta ingerir 2 colheres de vinagre de maçã misturado em um copo de água que já começará e perder peso nos próximos dias.

Para quem deseja utilizar o vinagre de maçã para emagrecer tem que ter em mente que é um processo lento e resultados poderão demorar um pouco para aparecer.

Mas isso não quer dizer que deva trocar o vinagre de maçã por outro método, isso porquê há estudos que realmente encontraram evidências de que o ácido acético (composto existente no vinagre de maçã) pode ter como alvo a gordura corporal.

Vinagre de Maçã Emagrece

Quando o ácido acético é introduzido no dia a dia através do vinagre de maçã, ele melhora o funcionamento do metabolismo acelerando-o fazendo com que a gordura corporal seja gasta em forma de energia, e assim evita que a gordura fique armazenada no corpo.

Mas não para por ai, além de acelerar o metabolismo o vinagre de maçã também pode ajudar a controlar o apetite, irá se alimentar menos e mesmo assim se sentirá saciada, além disso o vinagre de maçã bloqueia boa parte do amigo ingerido na alimentação e dessa forma também se torna benéfico no controle do açúcar no sangue.

Apesar de ser realmente comprovado que o vinagre de maçã emagrece, ele não substitui as formas saudáveis de emagrecer como no caso dos exercícios físicos e a alimentação balanceada que também deve fazer parte da dieta.

Então entre optar pelo vinagre de maçã e os exercícios físicos e outras dietas saudáveis sempre opte pela segunda opção, já que quando o vinagre é ingerido da forma incorreta poderá causar problemas gastrintestinais como a gastrite e a úlcera por  causa de sua acidez.

Como tomar o Vinagre de Maçã para ajudar a emagrecer

O vinagre de maçã contem dentre suas substâncias o ácido acetílico que e for ingerido puro ou de forma descontrolada poderá causar problemas a saúde e também pode comprometer o esmalte do dente, portanto os especialistas indicam tomar em média 2 colheres de vinagre de maçã diluídos em 200 ml de água pela manhã e antes do almoço.

Assim que acrescentar o vinagre de maçã a sua dieta, veja como seu organismo irá responder,caso sina que está com queimação ou desconforto suspensa o uso, agora se não houverem maiores problemas já no segundo dia poderá se sentir mas energizado e poderá começar a ter que ir mais vezes no banheiro já que ele também ajuda a liberar as toxinas do organismo.